Publicado em

Tipos de divisórias para escritório

DIVISORIA

A decoração bem planejada e a utilização otimizada do espaço físico de escritórios e ambientes corporativos são fatores que influenciam diretamente a produtividade das pessoas que ali convivem e trabalham diariamente. O ambiente de trabalho tem de ser agradável e trazer conforto e praticidade, fazendo com que as pessoas se sintam bem-humoradas e motivadas a desempenhar suas funções com excelência.

Dentro desse contexto, a utilização de divisória para escritórios é extremamente útil, pois, além da separação física de ambientes, ela promove um melhor aproveitamento do espaço livre e, dependendo do material do qual são fabricadas, podem, inclusive, fazer parte da decoração do escritório.

Gesso

As divisórias feitas de gesso são constituídas por pequenos blocos de gesso maciço, geralmente medindo 60cm x 60cm. São consideradas bastante resistentes em sua estrutura e promovem bom isolamento acústico e térmico

Drywall

Também chamado de gesso acartonado, as divisórias feitas desse material são constituídas por placas maiores do que as feitas de gesso — 1,20m x 1,80m ou 1,20m x 2,40m —, combinando estruturas de aço galvanizado e gesso, o que torna a divisória mais resistente, incluindo resistência ao fogo e com menor risco de trincagem.

MDF

O MDF (Medium Density Fireboard) vem ganhando cada vez mais espaço na indústria de móveis e divisórias para escritório. Com uma composição muito simples — é apenas uma chapa de média densidade de fibras de madeira reflorestada aglutinada com resinas — possui um acabamento homogêneo, que muito se assemelha à madeira comum, mas possui uma série de vantagens.

Vidro

Partições de vidro permitem a entrada de uma grande quantidade de luz natural, resultando num espaço de trabalho mais iluminado e acolhedor. Outra vantagem do vidro é o fato dele ser à prova de fogo, o que é muito importante para a segurança.

Divisória Naval

Se destaca pelo baixo custo e pela montagem simples. Em contrapartida, ela não proporciona isolamento acústico. Essa condição, por sua vez, é atendida pelo sistema modular piso-teto, comercializado com porta, ferragens, batente, rodapé e outros acessórios. Há, ainda, os modelos aparentes, que não exercem nenhum tipo de isolamento, sendo utilizados apenas para limitar os espaços

Divisórias PVC

para locais onde se deseja melhorar condições de higiene como laboratórios, armazenagem de alimentos, fabricação ou manipulação de medicamentos e demais locais onde se deseja inibir a proliferação de organismos nocivos à saúde, uma vez que o material das divisórias em PVC inibe a existência de fungos e demais organismos por ser feita de material plástico.


Para mais informações ligue (11) 2595-4700 ou peça seu orçamento em nosso CHAT

Publicado em

Vantagens das paredes de Drywall

parede-em-drywall-1024x776

Quando você pensa em parede, certamente logo vem à mente uma superfície robusta, rígida e resistente, feita de tijolos ou blocos, assentados com massa de cimento, conhecida como alvenaria.

No entanto, nos novos empreendimentos imobiliários é comum encontrar paredes de drywall, um sistema industrializado de paredes internas, composto por estrutura de aço galvanizado e chapas de gesso acartonado aparafusadas em ambos os lados.

Principais vantagens

Para atender as exigências das normas de desempenho, incluindo resistência a fogo, o sistema drywall foi testado e ensaiado em laboratórios competentes, como o Instituto de Pesquisa Tecnológica (IPT). Além disso, antes de virar a parede de casa, ele ainda passa por um rígido controle de qualidade, para garantir medidas precisas e acabamentos perfeitos. O que não acontece com a parede convencional, cujo sucesso depende não só da qualidade dos elementos utilizados, mas também da habilidade da mão de obra.

As reformas com o drywall são mais simples, basta desmontar o sistema e descartá-lo, conforme as recomendações da Associação Drywall. O mesmo pode-se dizer sobre a manutenção ou atualização das instalações de casa, como elétrica, hidráulica ou telefonia, por exemplo. Rasga-se apenas a parte em questão, que depois é rapidamente reconstituída por meio de um remendo. Em comparação, qualquer obra de alvenaria demora mais por causa das várias etapas, e gera entre 5% e 10% a mais de entulho.

paredes-de-drywall-com-vidros_587459

Pela sua própria composição, o sistema também é mais leve que a parede tradicional. Imagine que para cada dez caminhões de alvenaria, são necessários apenas um de drywall. Com isso, a estrutura também acaba sendo menos robusta e mais barata. Além dessas vantagens, as paredes de drywall são mais finas, racionalizando o projeto de arquitetura. A cada 100 m² consegue-se ganhar em torno de 5m² em área, o equivalente a dez metros de armários embutidos.

Quanto aos acabamentos, são os mesmos utilizados nas paredes tradicionais: pintura, textura, papel de parede, laminado, cerâmica e azulejo. A diferença é que a superfície já vem pronta para recebê-los.

Para assegurar a durabilidade do sistema, a manutenção das paredes e das instalações hidráulicas necessita cuidado. A limpeza de manchas na superfície pode ser feita com os mesmos produtos usados no sistema convencional. Já os jatos de água ou vapor, utilizados na alvenaria, devem ser evitados, pois podem causar danos ao drywall. O mesmo vale para as infiltrações: conserte rapidamente o encanamento danificado para não comprometer o sistema.

Fonte:www.mulher.uol.com.br


Para mais informações ligue (11) 2595-4700 ou deixe seu pedido de orçamento no CHAT abaixo